Um casal em uma viagem de volta ao mundo!

Templo de Abydos: um day trip partindo de Luxor

Abydos é o nome de uma das cidades mais sagradas do antigo Egito, pois acreditava-se que foi ali que o deus Osíris, um dos mais importantes da mitologia egípcia, tinha sido enterrado. Por essa razão, vários faraós foram enterrados nas imediações da cidade.

Localizado a cerca de 160 km ao norte de Luxor, o Templo de Abydos foi um dos locais religiosos mais importantes para os antigos egípcios.

Assim como os muçulmanos modernos esperam concluir uma peregrinação para Meca pelo menos uma vez na vida, os antigos egípcios sonhavam em visitar Abydos, que para eles estava fortemente associado à entrada na vida após a morte.

Templo de Abydos

Onde se hospedar em Luxor

Em Luxor nós nos hospedamos no Happy Land Hotel. Foi o valor mais econômico que encontramos tanto para hospedagem quanto para os passeios. Nós pagamos USD 10,00 por um quarto duplo com banheiro privativo e um delicioso café da manhã.

E foi também no Happy Land que encontramos os melhores valores para os passeios em Luxor e arredores. Super indicamos!

Encontre seu hotel em Luxor clicando no link abaixo. Você não paga nada a mais por isso, mas nos ajuda a manter o blog recheado de dicas 😊

O Templo de Abydos

A área já contava com vários templos dedicados a Osíris. Contudo, seu templo mais famoso teve sua construção iniciada por Seti I e terminada por Ramsés II, seu filho.

Entrada para o Templo de Abydos

Também dedicado a Osíris, o Templo de Abydos é composto por um portão de acesso, duas quadras abertas, dois salões hypostyle (com o teto sustentando por colunas), uma capela dedicada às diferentes formas de Osíris, várias câmaras ao sul e sete santuários.

Abydos

As colunas da sala hipóstila

Cada santuários era dedicado a uma importante divindade egípcia (Hórus, Ísis, Osíris, Amon-Ra, Ra-Horakhty e Ptah) e uma para o próprio Seti.

Oferendas a Hórus

A construção do Templo de Abydos teve um papel importante na legitimização da família de Seti como uma família real. Pois antes de seu pai (o também faraó Ramsés I) os seus antepassados tinham sido militares.

A construção de templos era um caminho para solidificar sua posição de faraó e personificação do próprio Osiris.

Osíris e Hórus

Outro fator importante para a solidificação de sua família como real, foi a criação da Lista de Faraós de Abydos. Uma lista contendo a relação dos 76 faraós do Antigo Egito, com exceção de Hatshepsut e Akhenaten (Aquenaton). A lista estava organizada em 3 colunas, sendo as duas primeiras com o nome de seus antecessores e a terceira somente com seu nome repetido diversas vezes.

A Lista de Faraós de Abydos, além de ajudar a Seti I, contribuiu enormemente para o estudo dos faraós antigos, pois trazia uma relação com seus nomes e ordem de sucessão.

Helicópteros no Antigo Egito?

Contudo, assim como Dendera, o templo de Seti I se popularizou entre os visitantes devidos a algumas gravuras emblemáticas em seu teto. Alguns associam as gravuras com um helicóptero, um disco voador e um submarino.

Você vê um helicóptero, um disco voador e um submarino?

É incrível pensar que os antigos egípcios já tinham conhecimento dessas invenções super modernas ou até mesmo que eles tinham contato com seres de outros planetas, não é?

Um zoom da gravura

Porém, a explicação mais verosímil é que essas formas controversas tenham surgido pela escrita de um hieróglifo em cima de outro. Prática muito comum no Egito Antigo, conhecida como palimpsesto. Quando um novo faraó estava estabelecendo uma dinastia ele mandava escrever sobre os hieróglifos de seus predecessores.

O que teria sido a frase dedicada à Seti I: “Aquele que repulsa os nove inimigos do Egito”, foi transformada no tempo de Ramsés II para: “Aquele que proteje o Egito e derrota seus inimigos”.

Uma frase sobre a outra acabou gerando os desenhos mais conturbados, que levaram muitas pessoas a acreditar que os antigos egípcios tinham mesmo contato com seres de outros planetas.

As duas frases separadas pelas cores verde e azul. Fonte: https://onedio.co/

Faça já seu Seguro para garantir uma viagem tranquila pelo Egito. Utilizando o código promocional CASALWANDERLUST5 você ganha 5% de desconto na hora!

Osirion Temple

Além do templo principal de Seti I, em Abydos você também poderá visitar o Osirion e um templo dedicado a Ramsés II.

O Osirion fica nos fundos do templo de Seti I e foi descoberto acidentalmente quando arqueólogos escavavam este primeiro, e o local estaria ligado à adoração do deus Osíris. Porém, o templo não está muito bem preservado.

Osirion

Os grandes blocos de pedras utilizados em sua construção impressionam. Especialmente por acreditar-se que os mesmos teriam sido trazidos de Aswan, que fica a 300 km dali 😱

Detalhes dos blocos gigantescos

Templo de Ramsés II

O templo de Ramsés II está um pouco melhor preservado e fica a uns 200 metros à direita de Osirion.

Ele está fechado pelo exército, mas foi gentilmente aberto para que pudéssemos visitá-lo. Nos sentimos super VIPs 😁

Entrada do Templo de Ramsés II

Seguindo o plano retangular de um templo tradicional, o Templo de Ramsés II tem santuários para cada deus considerado importante por ele, incluindo Íbis, Osiris, Amon-Ra, Thoth, Min e para o próprio Ramsés.

Thoth representado em uma das gravuras nas paredes do Templo de Ramsés II

Os relevos ainda mantêm uma boa qualidade e preservação das cores utilizadas. O que impressiona, já o que templo já não possui o teto que outrora preservava as gravuras ali expostas.

Detalhes das cores bem preservadas

Como Chegar

O templo de Seti I está localizado a 11 km da cidade de Al-Balyana. De Al-Balyana você pode ir até lá de táxi ou tuk-tuk.  E para chegar a Al-Balyana, você pode pegar minivans desde Qena (cidade onde fica o Templo de Dendera).

Contudo, as minivans não tem horários fixos e a visita aos Templos de Dendera e Abydos no mesmo dia usando transporte público se torna bastante complicada. Gerando a necessidade de dormir em uma das cidades antes de voltar pra Luxor.

Como nós fizemos

Considerando o valor do trem, das minivas e da hospedagem em uma das cidades, nós acabamos concluindo que um day tour de Luxor para visitar Abydos e Dendera valeria mais a pena. E foi exatamente isso que nós fizemos. Pagamos USD 18,00 por pessoa em um táxi compartilhado e visitamos ambos os templos no mesmo dia.

Quanto Custa

A entrada custa EGP 80,00 ou USD 4,50.

Abydos em 10 fotos

Pilares e gravuras na entrada

Oferendas a Hórus

Interior do Templo de Abydos

Oferenda ao deus Min

Oferendas a Amon-Ra

Osíris e Isis

Khnum, o deus da criação

Melhor época para visitar Abydos

Os meses de verão no Egito são bastante quentes. E a região do deserto fica particularmente escaldante nos meses de junho, julho, agosto e setembro. Fuja destes meses e tente fugir dos feriados de final do ano e Páscoa, quando o país é invadido por europeus.

Os meses de março, outubro e novembro são ideias para a visita, pois o clima está agradável e não há muitos turistas.

Fonte: https://www.meteoblue.com/

Lembre-se do Seguro Viagem!

O seguro viagem é indispensável em uma viagem para o Egito. Nossa sugestão é fazer uma boa busca através da Segurospromo, um site que compara preços e te apresenta uma série de opções de seguro. Aí é só escolher a melhor opção para seu tipo de viagem. E utilizando nosso código: CASALWANDERLUST5 você ainda ganha 5% de desconto na hora!

Faça já seu Seguro para garantir uma viagem tranquila pelo Egito. Contratando seu Seguro aqui pelo Blog, além de você ganhar um descontinho nós ainda recebemos uma pequena comissão que nos ajuda a mantê-lo no ar!

Gostou? Veja também nossas demais publicações sobre o Egito:

Dicas práticas:

Informações que podem te ajudar:

Tudo sobre os Templos e como visitar em cada um deles:

🌎  Acompanhe nossa viagem de volta ao mundo através de nossa página no Facebook:

https://www.facebook.com/casalwanderlustoficial

Deixe uma resposta