Um casal em uma viagem de volta ao mundo!

O que fazer no Cairo – 20 principais atrações da cidade

Uma das cidades mais antigas do mundo! Exótica, charmosa, misteriosa, caótica e apaixonante. Assim é o Cairo, a capital do Egito. Veja neste post o que fazer no Cairo e as 20 principais atrações da cidade.

o que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo

Onde se hospedar no Cairo

Se você estiver buscando uma opção de hospedagem econômica e super bem localizada no Cairo, nós indicamos o Ismailia House Inn. Porque o hotel fica bem no coração da praça Tahrir e oferece quartos duplos por USD 10.00 e quartos individuais por USD 6.00. Contudo nestas opções o banheiro é compartilhado. Mas eles possuem opções com banheiros privativos também. Obs.: o hotel é super simples, por isso não se assuste com o elevador 😬

Mas caso queira ver outras boas opções clique aqui para ver a seleção de hotéis que nós preparamos. Lembrando que ao utilizar o Booking.com você não paga nada a mais por isso mas nós ganhamos uma pequena comissão que nos ajuda a manter o blog recheado de dicas.

O que fazer no Cairo

O Cairo costuma ser a porta de entrada dos viajantes no Egito. Contudo seu trânsito caótico, seu ar meio cinzento (muitas vezes culpa da poluição) e seu ritmo frenético costumam assustar as pessoas em um primeiro momento. Mas o Cairo tem muitas atrações a oferecer além das pirâmides e nós vamos listar algumas delas aqui.

1 – As pirâmides de Gizé

As três Pirâmides mais famosas do Egito, as Pirâmides de Gizé (ou Giza, em inglês), são na verdade câmaras mortuárias que foram construídas para acomodar as múmias dos faraós: o pai Quéops, o filho Quéfren, e o neto Miquerinos. Sendo que a grande Pirâmide de Quéops é a única maravilha do mundo antigo que ainda está de pé.

Por isso visitar as Pirâmides é o sonho de muita gente, assim como já foi meu sonho um dia. Entretanto já vou te dizendo que a visita às Pirâmides pode ser cheia de chateação, caso você não esteja preparado para lidar com os golpes que vendedores tentam aplicar nos turistas.

Todavia, pensando nisso, eu escrevi um post específico sobre como visitar as Pirâmides de maneira mais econômica e como se proteger dos golpes.

➡️ Clique aqui para ver o post completo.

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – A Pirâmide de Miquerinos

Quanto Custa: A entrada para o Complexo das Pirâmides + Esfinge custa EGP 120,00, ou USD 7.00. É possível entrar dentro das Pirâmides comprando um ingresso adicional. Porém, não há nada dentro delas, apenas um corredor claustrofóbico. Mas dizem que rola uma energia diferente lá dentro. Contudo nós não testamos e não sabemos dizer.

Como Chegar: O complexo fica a 15 km do centro do Cairo. Dá para ir até as Pirâmides de metrô, ônibus, táxi ou Uber. Clique no link abaixo para saber mais.

➡️ Veja neste post dicas de como visitar as pirâmides de maneira econômica!

2 – A Esfinge

Todavia no mesmo complexo das pirâmides está a pobre Esfinge sem nariz. Pois é! Você já reparou que a Esfinge não tem nariz? Coitada. E sobre este fato existem algumas teorias:

De que o desgaste ocorreu naturalmente com o tempo. De que o estrago foi feito pelas tropas de Napoleão, que invadiram o Egito em 1798. E há também os que atribuem a falta do nariz aos Mamelucos, uma milícia turco-egípcia que comandava o país. Dizem que eles utilizavam a Esfinge para fazer tiro ao alvo para calibrar seus canhões. Também, um “cabeção” desses seria um alvo e tanto. Não!?

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – A Esfinge

Com ou sem guia? Em nossa humilde opinião um guia não se faz necessário no Complexo das Pirâmides. Uma boa leitura prévia sobre o local é mais do que suficiente. Mas, se você conciliar as Pirâmides + Saqqara + Memphis em um único day tour guiado, sua visitação será muito proveitosa!

Contudo como comentei mais acima e neste outro post, vá até lá com o coração carregado de paciência. Porque visitar as Pirâmides é sempre uma atividade bem turbulenta, graças aos vendedores que ficam o tempo todo tentando te vender souvenirs, passeios de charrete ou de camelo, de maneira muito insistente. Esteja preparado!

3 – O Complexo de Saqqara

A Necrópole de Saqqara fica a 30 km do centro do Cairo. Com sua extensão de oito quilômetros, é a mais vasta de todo o Egito e historicamente a mais importante também. Todo o local está dominado pela Pirâmide de Djoser, ou Pirâmide de Degraus, ou ainda, Pirâmide de Saqqara, como é mais comumente conhecida.

Ela é considerada a primeira pirâmide a ser erguida no Egito. Originalmente alcançava 62 metros de altura e era revestida por pedra calcária branca polida. Sendo também vista como a mais antiga construção monumental em pedra do mundo!

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – A Pirâmide Escalonada de Saqqara ou Pirâmide de Djoser

Quanto Custa: A entrada para o Complexo de Saqqara custa EGP 120,00, ou USD 7,00.

Como Chegar: Você pode ir até Saqqara de táxi, Uber ou contratando um tour. O mais comum é incluir o complexo em um day tour passando pelas Pirâmides de Gizé e o Museu de Memphis.

Com ou sem guia? Com guia, por favor! O local é enorme, cheio de detalhes e história e uma visitação não guiada pode te deixar bastante perdido.

4 – Memphis Museum

O Museu ao Ar Livre de Memphis é um dos must see no Cairo. Fundada na 1ª Dinastia (3100 a.C.) pelo rei Narmar, Memphis era a capital do Antigo Egito e a primeira capital fundada após a unificação do Alto e do Baixo Egito. Por conta das muitas necrópoles associadas a Memphis, muitos egiptólogos acreditam que ela já foi uma cidade extremamente grande, embora nenhuma evidência arqueológica tenha comprovado isso, até agora.

Entretanto já não resta muito da antiga Memphis, exceto alguns monumentos do Novo Reino e períodos posteriores. Por isso hoje em Memphis você verá um museu ao ar livre, que entre outros artefatos exibe um colosso de calcário do rei Ramsés II (uma enorme estátua esculpida em calcário com cerca de 10 m de comprimento), uma gigantesca Esfinge de alabastro na área externa, pesando mais de 80 toneladas, e também restos de estátuas de granito representando Ramsés II.

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – Cabeça do gigantesco Colosso de Ramsés II

Quanto Custa: A entrada para o Museu de Memphis custa EGP 60,00, ou USD 4,00.

Como Chegar: Você pode ir até o Museu de Memphis de táxi, Uber ou contratando um tour. O mais comum é incluir o Museu em um day tour passando pelas Pirâmides de Gizé e Saqqara.

5 – Al-Azhar Park

Uma atração não muito visitada por turistas no Cairo é o Al-Azhar Park. Do alto do parque você terá uma bela visão da cidade do Cairo. Além de ser um ótimo lugar para escapar do barulho das buzinas e do trânsito caótico da capital do Egito.

Olha só que beleza mais refrescante em um dia de calor:

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – Al-Azhar Park, um paraíso no coração do Cairo

Quanto Custa: A entrada para o Parque custa EGP 10,00, ou USD 0,50.

Como Chegar: Você pode ir até o Al-Azhar Park de táxi ou Uber. O mais comum é inclui-lo em dia de visita ao Old Cairo (Cairo Islâmico) e o Bairro Copta.

6 – Cairo Islâmico

O chamado Cairo Islâmico é uma parte do Cairo em torno da antiga cidade murada e em torno da Cidadela. A área é caracterizada por centenas de mesquitas, madrasas, mansões, e fortificações da era islâmica.

Tamanha é sua importância que em 1979 a UNESCO proclamou o Cairo Histórico como Patrimônio da Humanidade. Referindo-se a esta parte da cidade como “uma das mais antigas cidades islâmicas do mundo”. Porém, o Cairo islâmico não é mais ou menos islâmico do que o resto da cidade, é apenas uma área que abriga os maiores e mais famosos monumentos islâmicos. E por lá você poderá visitar as atrações a seguir:

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – Cairo Islâmico

7 – Cidadela Salah El Din

A Cidadela de Salah El Din (conhecido como Saladino entre os historiadores europeus) no Cairo é uma fortificação islâmica medieval construída em 1176 contra os cruzados.

Por 700 anos foi a casa de governantes egípcios. E hoje abriga 3 mesquitas, alguns palácios, museus e diversos platôs de onde se pode ter uma bela vista da cidade do Cairo.

O que fazer no Cairo – Entrada para a Cidadela

Quanto Custa: A entrada para a Cidadela custa EGP 100,00, ou USD 5,65.

Como Chegar: A estação de metrô mais próxima é a Bab el Shaaria, mas ela ainda fica a 4 km da Cidadela. Por isso a melhor maneira de chegar até lá é pegando um Uber ou um Táxi. A corrida do centro do Cairo até a Cidadela não custará mais de USD 5,00.

8 – Mesquita Muhammad Ali

Dentro da Cidadela está a mesquita mais visitada do Cairo. Construída em 1830 por Muhammad Ali, que era um dos soldados das tropas enviadas para libertar o Egito da ocupação de Napoleão. O arquiteto grego Youssef Bochna responsável pela obra, tomou como modelo a igreja de Santa Sofia (Hagia Sofia) em Istambul. Por isso ela também é chamada de Mesquita de Alabastro, em função da quantidade de alabastros que reveste suas paredes.

A entrada de não muçulmanos é permitida, o que a torna ainda mais especial. Mulheres não precisam colocar o véu na cabeça para adentrar a mesquita, mas roupas curtas ou muito justas devem ser evitadas.

O que fazer no Cairo – Mesquita Muhammad Ali

Quanto Custa: O bilhete para visitar a Cidadela te dá direito a visitar a Mesquita.

9 – Mesquita Al-Hakim

Concluída em 1013, a magnífica Mesquita de Al Hakim é uma das mesquitas mais antigas do Cairo. Embora também seja uma das mais importantes, ela nem sempre foi usada para adoração e orações.

Contudo ela já funcionou como prisão na época dos cruzados, como estábulo, depósito, escola e até como hospício. Mas as obras-primas da Mesquita são os dois minaretes de pedra, os primeiros sobreviventes da cidade (graças em parte a uma restauração pós-terremoto em 1304 de Beybars Al Gashankir).

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – Mesquita Al-Hakim

Quanto Custa: O bilhete para visitar esta mesquita e diversas outras nos arredores do mercado El-Khalili custa EGP 100,00, ou USD 5,70. Porém, o bilhete dá acesso a mais de 10 atrações do Cairo Islâmico.

10 – Amir Taz Palace

O Amir Taz Palace é um dos palácios mamelucos mais conhecidos da cidade histórica do Cairo. Foi construído por Amir Taz em 1352 para celebrar seu casamento com a filha do sultão An-Nasir Mohammed, Khwand Zahra.

Embora o local tenha sido transformado em um centro cultural, hoje ainda é possível visitar seus belos jardins e algumas de suas salas.

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo –  Amir Taz Palace

Quanto Custa: O bilhete para visitar o palácio custa EGP 50,00, ou USD 2,80.

11 – Mesquita Sultan Hassan

A Mesquita do Sultão Hassan está sempre na sombra da Cidadela. Entretanto a Mesquita é considerada o melhor exemplo da arquitetura mameluca em todo o Cairo, sendo considerada um dos principais monumentos do mundo islâmico.

A mesquita foi projetada como uma Madrasa (escola muçulmana) e não como uma mesquita convencional. Por esta razão o edifício também incluiu alojamento para até 500 estudantes, bem como os professores e funcionários necessários para administrar uma escola deste tamanho.

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – Sultan Hassan Mosque

Quanto Custa: Nós não chegamos a entrar na Mesquita, ficamos apenas com essa bela vista do alto da Cidadela.

12 – Mercado El-Khalili

Quer comprar lembrancinhas para amigos e família? Então guarde seu dinheiro e sua energia para comprar tudo por aqui.

A maioria das lojas e barracas do Mercado El-Khalili funciona das 9h até bem depois do pôr do sol (exceto às sexta-feiras de manhã e domingos), embora muitos fornecedores de souvenirs abram sempre, desde que haja clientes, mesmo aos domingo.

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – Ruas do Mercado El-Khalili

Quanto Custa: A entrada é gratuita!

13 – Mesquita Al-Hussein

A Mesquita Al-Hussein é considerada um dos locais islâmicos mais sagrados do Egito.

Os muçulmanos xiitas acreditam que a cabeça de Husayn (neto do profeta Muhammad) está enterrada no terreno da mesquita. Hoje em dia um Zarih (uma caixa de treliça, geralmente dourada ou prateada, que envolve um túmulo em uma mesquita ou outro túmulo islâmico) se encontra dentro da mesquita, marcando o local onde estaria a cabeça do neto do Profeta.

Contudo outro fator que a torna sagrada e importante para os muçulmanos em geral é que a Mesquita Al-Hussein abriga o mais antigo manuscrito completo do Sagrado Alcorão.

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – A Mesquita Al Hussein

Quanto Custa: A entrada é gratuita e é permitida a entrada de não muçulmanos. Porém, por se tratar de um local muito sagrado, as mulheres precisam cobrir a cabeça com um véu. E há entradas distintas para homens e mulheres.

14 – Bab Zuweila

O Bab Zuweila é um dos três portões restantes das muralhas da Cidade Velha do Cairo. Também foi conhecido como Bawabbat al-Mitwali durante o período Otomano.

Entretanto ele é considerado um dos principais marcos da cidade e é o último portão remanescente das muralhas do Cairo. Seu nome vem de Bab, que significa “Porta”, e Zuwayla, o nome de uma tribo de guerreiros berberes do deserto ocidental, cujos membros foram encarregados de vigiar o portão.

Mas o Portão guarda também algumas histórias bem sombrias, já que foi local de execuções, onde o Sultão Salim, o Grim, enforcou e pendurou o último dos sultões mamelucos no século XVI. Contudo comerciantes desonestos podiam ser pendurados no portão através de ganchos ou cordas. Enquanto decapitações e empalamentos eram oferecidos à criminosos comuns no portão 😬

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – O Bab Zuweila

Quanto Custa: É de graça.

Como Chegar: Você pode passar pelo Bab Zuweila em seu dia de visita ao Cairo Islâmico e o Bairro Copta.

15 – Bairro Copta

O Bairro Copta é parte do Cairo Antigo. O bairro recebe turistas e fiéis de diversas religiões pois, reza a lenda que a Sagrada Família visitou esta área durante a famosa Fuga para o Egito, buscando refúgio para se esconder de Heródes.

No Bairro Copta você poderá visitar algumas igrejas, uma sinagoga e um museu.

Quanto Custa: Visitar as igrejas do Bairro Copta é de graça.

Como Chegar: Basta pegar o metrô e descer na estação Mar Girgis. Você poderá percorrer todas as atrações a pé. Lembrando que o bilhete de metrô custa apenas EGP 2,00 ou USD 0,10.

16 – St. George Church

A Igreja Ortodoxa Grega de São Jorge no Bairro Copta pode ser alcançada através de um lance de escadas e é coroada por uma impressionante cúpula.

Reza a lenda que São Jorge foi mantido em uma prisão perto da igreja e que teria sido martirizado por lá. O edifício atual data do início do século XX.

O que fazer no Cairo – Exterior da Igreja de São Jorge no Bairro Copta

17 – Hanging Church

A Hanging Church, ou Igreja Suspensa, é assim chamada porque foi construída sobre o portão sul de uma antiga fortaleza romana. Toras de palmeiras e camadas de pedras foram colocadas sobre as ruínas da fortaleza para servir de fundamento para a igreja que hoje paira no local, literalmente suspensa.

A Igreja possui um telhado de madeira lembrando o formato da arca de Noé, e também é famosa pela “Mona Lisa Copta”. Uma pintura que data do século VIII d.C. e representa a Virgem Maria, Jesus Cristo e João Batista.

Em nossa opinião a Hanging Church é a igreja mais bonita do Bairro Copta. E nós tivemos uma visita guiada gratuita em inglês quando lá estivemos.

O que fazer no Cairo – Exterior da Hanging Church

18 – Cave Church e a Cidade do Lixo

Relacionada a Hanging Church e bem afastada do centro do Cairo está a Cave Church. Uma igreja construída (escavada) na Montanha Mokattam. Ambas as igrejas estão relacionadas pois na Hanging Church a Virgem Maria teria aparecido e escolhido Simão para a realização do milagre do deslocamento da Montanha.

Dizem que Simão (que se tornou um importante santo copta) teria movido a montanha por diversos metros apenas com o poder de sua fé. Posteriormente ali foi construído o Monastério de São Simão, ou a Cave Church, como é comumente conhecida.

O que fazer no Cairo – Cave Church

Mas a parte mais interessante da visitação é que para chegar lá você passará pela “Cidade do Lixo”, uma parte do Cairo onde vivem os Zabaleen (Coletores de lixo, em árabe). São mais de quarenta mil pessoas vivendo por lá. Em uma comunidade que coleta, separa e recicla 80% do lixo produzido pela crescente população do Cairo.

➡️ Veja aqui o post completo sobre a Cave Church.

Interior da Cave Church

19 – Praça Tahrir

A Praça Tahrir fica no coração do Cairo. É por aqui que ficam edifícios importantes, tais como o Museu Egípcio, o edifício governamental Mogamma (um enorme prédio administrativo construído pela ex-URSS, lugar onde muitos viajantes vão para renovar o visto egípcio), o caríssimo hotel Nile Ritz-Carlton e o campus da Universidade do Cairo.

A praça tem sido o local e foco de manifestações políticas no Cairo, principalmente aquelas que levaram à revolução egípcia de 2011 e a renúncia do presidente Hosni Mubarak. A Tahrir, cujo nome significa liberdade, também foi palco dos protestos ocorridos em 2013, durante a Primavera Árabe.

Hoje com um gramado novo e flores, ela não lembra nem de longe o caos destes dias de um passado recente. Mas levanta-se imponente no coração do Cairo como um símbolo de esperança por dias melhores.

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – A Praça Tahrir vista do alto do Hotel Ismailia

20 – Museu do Cairo

“O pior melhor museu do mundo”. Li essa descrição em algum lugar e é assim que eu também definiria o Museu do Cairo. Porque o amontoado de descobertas egípcias caoticamente dispostos nas salas do museu faz com que você precise de um guia para te orientar e te acompanhar em sua visitação. Mas apesar de não estar muito bem organizado, o Museu do Cairo é uma das atrações mais importantes da cidade.

Entretanto uma estratégia interessante é deixar para visitar o museu no final de sua viagem, depois de já ter passado por LuxorAbu SimbelAlexandria e etc. Porque visitando o Museu em seus últimos dias no Egito permitirá que você feche sua viagem com chave de ouro.

Idioma

O idioma oficial é o árabe egípcio. Mas não se assuste! Especialmente nas cidades mais turísticas a língua dificilmente será um problema, já que boa parte das pessoas fala inglês.

Melhor época para visitar o Cairo

Primeiramente saiba que no verão as temperaturas no Cairo podem ultrapassar facilmente os 40 graus! Por isso fique atento na hora de planejar sua viagem para não “torrar” no sol escaldante.

Contudo os melhores meses para visitar a cidade são os meses entre fevereiro e abril e entre agosto e novembro. Entretanto dezembro e janeiro são meses com temperaturas mais baixas.

O que fazer no Cairo – Fonte: https://www.meteoblue.com

Onde comer no Cairo

Na região da praça Tahrir você encontrará uma série de opções de restaurantes. Por isso, se você estiver hospedado no Ismailia, saiba que logo abaixo do prédio há uma opção de restaurante com ótimos preços, com menos USD 2.00 você faz uma refeição completa.

Entretanto, se você quiser provar o melhor Koshary da sua vida, procure pelo restaurante chamado Abou Tarek.

Endereço: ele fica na Champollion Street, número 16. São 3 andares e o único prato servido na casa é o famoso Koshary. Da praça Tahrir nós fomos até lá a pé.

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – onde comer

Visto para o Egito

Brasileiros precisam de visto para visitar o Egito. E embora exista divergências de informações até mesmo no site do Itamaraty, é possível SIM obter o visto egípcio na chegada no aeroporto do Cairo.

Perto da área de imigração tem um banco onde você comprará um selo no valor de USD 25,00 e logo em seguida obterá o visto de permanência de 30 dias no país. Simples assim.

A confusão se deu depois que o governo egípcio informou em 2015 que cidadãos de alguns países, inclusive do Brasil, deveriam solicitar o visto previamente. Contudo a decisão foi revogada meses depois até que o país esteja preparado para informatizar o sistema de emissão de vistos.

Lembre-se do Seguro Viagem!

O seguro viagem é indispensável em uma viagem para o Egito. Afinal, imprevistos acontecem e é sempre bom estar preparado para eles! Para escolher o melhor tipo de seguro para a sua viagem eu indico a Segurospromo. Especialmente porque ao utilizar nosso código CASALWANDERLUST5 você ganha 5% de desconto na hora!

Segurospromo é um site que compara preços e te apresenta uma série de opções de seguro com um resumo bem detalhado de preços, cobertura e etc. Uma mão na roda!

Por isso faça já seu Seguro para garantir uma viagem tranquila pelo Egito. Porque contratando seu Seguro aqui pelo Blog, além de você ganhar um descontinho, nós ainda recebemos uma pequena comissão que nos ajuda a mantê-lo no ar!

Moeda do Egito

A moeda do Egito é o Pound, o Egyptian Pound (EGP).

Em julho de 2019 a cotação do Egyptian Pound era de 1.00 USD = 17,00 EGP.

O que fazer no Cairo
O que fazer no Cairo – Moeda Egito

Telefonia e Internet

Antes de mais nada, esqueça os fantásticos chips de internet ilimitada que custam o olho da cara. Porque aqui no Egito você consegue comprar um chip local + um pacote de dados de 8 GB por EGP 150,00, ou USD 8.50, e este pacote será suficiente para 30 dias. Claro, a depender de quantas fotos você poste nas redes sociais por dia 🙈

Comida típica do Egito

Tem muita comida típica por aqui. Especiarias, temperos, doces, diversas opções para agradar os mais distintos paladares.

Mas a comida típica que nós mais comemos e mais gostamos em todo o Egito foi o Koshary.

Koshari em Alexandria
O que fazer no Cairo – O Koshary

Contudo o melhor Koshary que nós comemos em todo o Egito foi no Abou Tarek, e uma cumbuca dessas custa EGP 30,00 ou USD 1.70.

Como se locomover no Cairo

No Cairo você poderá se locomover utilizando o Uber, táxis, ônibus, minivans ou metrô. Utilizamos todas estas opções e só tivemos certa dificuldade com os ônibus e minivans por conta da língua. Entretanto os ônibus não tem placas indicativas em inglês e o cobrador e motorista nem sempre falam o idioma, Porém, para destinos comuns tipo as Pirâmides e a Praça Tahrir, nós anotávamos o nome do lugar em árabe e mostrávamos para o motorista. Funcionou super bem!

Entretanto o bilhete do metrô custa EGP 2,00, ou USD 0.10; uma corrida na minivan custa em média EGP 3,00, ou USD 0,17 e uma corrida de ônibus custa EGP 4,00, ou USD 0,23. Inacreditavelmente o táxi pode ser até mais barato que o Uber. O problema é que nem sempre os motoristas ligam o taxímetro e sempre tentam cobrar mais caro de turistas 😒 Uma corrida de 30 km com o Uber custa em média EGP 80,00, ou USD 4,50, e de táxi vai custar entre 10 e 15% menos, desde que não tentem te enganar.

Veja todas as publicações sobre o Egito

Dicas práticas:

Informações que podem te ajudar:

Tudo sobre os Templos e como visitar cada um deles:

🌎  Acompanhe nossa viagem de volta ao mundo através de nossa página no Facebook:

https://www.facebook.com/casalwanderlustoficial

9 comentários sobre “O que fazer no Cairo – 20 principais atrações da cidade

  1. Thatiana sansao

    Olá amei as suas dicas mas gostaria de saber se levo a moeda local ou dollar?
    E se vc fez mergulho ou andou em um camelo gostaria de saber valores a sim é se vc conheceu hurgada e o que achou
    Obrigado

    1. CASAL WANDERLUST Autor da Postagem

      Olá Thatiana, tudo bem?
      Levar dólares é melhor. E na verdade não sei se vc acharia pounds egípcios para vender no Brasil. Mas mesmo se achar, não vale a pena, levar dólares é melhor.
      Fizemos mergulho em Dahab e amamos! Lázaro falou que foi o fundo do mar mais bonito que ele já viu na vida (e isso que ele já viu vários…rs). Hurghada deve ser incrível tb, mas não estivemos por lá. Estivemos em Dahab e Sharm el Sheiki apenas.
      Abração

  2. Adriana

    Ameando tudo por aqui! E depois de achar seu blog já criei coragem para viajar por conta para o Egito! Parece tranquilo e seguro. Quantos dias em cada cidade para conseguir ver as principais atrações? Cairo, Luxor, Alexandria(vale a pena pernoitar uma noite) e as cidades de praia no mar?

    1. CASAL WANDERLUST Autor da Postagem

      Oi Adri,
      Que legal!
      Quanto tempo vc terá no Egito?
      Eu sugeriria:
      2-3 dias no Cairo
      3 dias em Luxor – ou mais se vc for fazer o cruzeiro pelo Nilo
      1 dia inteiro em Alexandria é suficiente
      E quantos dias vc puder ficar em Hurghada ou Dahab 🙂

      Eu já estive sozinha no Egito em 2013 e voltei agora com o Lázaro. Contudo eu preciso te dizer que o assédio incomoda mto, especialmente no Cairo e em Luxor. Por isso vá preparada. Tente não vestir roupas mto curtas, nem mto decotadas. Preciso te falar isso pq embora eu não tenha tido nenhum problema em minhas visitas, tenho amigas que ficaram chateadas por lá com os olhares, cantadas e piadinhas sem graça, sabe?

      Mas o Egito é incrível e eu quero que vc volte depois aqui para contar como foi a sua experiência.

      Bjão

  3. SUELENE FERREIRA

    Olá! Pena que não achei seu blog antes de adquirir um pacote com a maktub travel. Eu normalmente faço as viagens por conta, mas para o Egito não me senti tão confiável, agora vejo que conseguiria fazer toda a programação sem o pacote rs. De qualquer modo, se puder me ajudar, terei um dia livre e queria ver o que eu poderia conhecer por conta. Ficaremos num hotel próximo às piramides (como todo pacote de turismo), Já iremos conhecer as piramides, esfinge, museu, Mesquita de Mohamed Ali, bairro copto, mercado khan el khalili, piramide saqqara, cidade menfis, dashur. Então queria ver com 1 dia livre no Cairo o que mais seria interessantes fazer, ou se vale a pena ir no mercado khan el khalili, pois sei que com turismo não conseguimos parar em lugar nenhum, né…
    Depois iremos fazer o cruzeiro do rio Nilo, ilha Gifton, Hurghada, Alexandria e voltamos ao Cairo…
    Obrigada e suas dicas são maravilhosas, já te curti no face também 🙂
    bjs
    Sue

    1. CASAL WANDERLUST Autor da Postagem

      Oiiii Sue! Tudo bem?

      Pelo que ouvi falar a Maktub é uma agência super legal. Mto bacana vc ter fechado um pacote com eles sim. Sabe pq? Vou te contar…
      Eu acho que em uma das minhas encarnações eu já morei no Egito. Sério! Lá é onde eu me sinto em casa. Mas viajar por lá, especialmente pelo Cairo e Luxor, não é tarefa mto fácil mesmo não, viu!? Infelizmente tem um monte de gente que tenta te enganar, sem contar os olhares que podem incomodar bastante. Por isso tudo acho que viajar em grupo vai ser bem menos irritante tb. Falo bastante sobre isso neste outro post, dá uma olhadinha:

      https://casalwanderlust.com.br/e-seguro-viajar-pelo-egito-dicas-de-quem-viajou-3-meses-pelo-pais-de-maneira-independente/

      Pelo que vc me falou o pacote já vai incluir as atrações mais legais do Cairo, mas com o tempo que sobra vc pode explorar melhor o El Khalili e comprar lembrancinhas e objetos de decoração. Cada coisa linda!!!! E depois dar uma volta por ali e pelo parque Al-Azhar Park ou passear pelo Cairo Islâmico, que eu tb adoro!

      Aproveite o Egito! Um dos meus países favoritos nesse mundo ❤️

  4. Cintia

    Nossa, seu blogue me está danto um jeitão a planear as minhas férias até ao Cairo!
    Tenho uma duvida: o mercado el- Khalili, mesquita Sultan Hassan, Amir taz palace ficam dentro da cidadela? ou fora?

    Um beijinho
    Cíntia

Deixe uma resposta