O que fazer em Rishikesh, a cidade do Yoga na Índia

Rishikesh é a cidade do Yoga na Índia. Por lá você encontra incontáveis Ashrams que oferecem desde aulas avulsas para quem quer praticar, até cursos de formação para aqueles que buscam algo mais avançado. Mas se Yoga não é a sua praia, saiba que ainda assim há boas opções do que fazer em Rishikesh, a cidade onde é possível descansar da caótica Índia.

Nós passamos 6 dias por lá e confesso que não sou a pessoa mais adepta do mundo com relação ao Yoga. Lázaro amou as aulas, mas eu gostei mais do que vimos na cidade em geral. E é através dessa mistura que escrevo este post com as principais atrações de Rishikesh.

O que fazer em Rishikesh

A ponte Lakshman-Jhula

O que fazer em Rishikesh

1 – Fazer Yoga 😆

Pode até não ser a sua praia, mas é bom você já ir até lá sabendo que a principal atração da cidade, e o motivo pelo qual 99% das pessoas vão até Rishikesh, é o Yoga. São várias as escolas que oferecem desde aulas avulsas até cursos de formação.

O que fazer em Rishikesh

Encontre o estranho no ninho. Dica: ela está de verde! hahaha

Um curso de formação de professores de Yoga em Rishikesh tem um custo mínimo de USD 1.100 podendo custar até USD 2.000 ou mais, a depender da instituição escolhida. Já as aulas avulsas de Yoga, com duração de 1h30m, custam em média 200,00 rúpias, que equivalem a USD 3,00. Eu fiz algumas e até que gostei. Mas não sei… Acho que me falta prática para que eu me apaixone e pegue gosto.

O que fazer em Rishikesh

Luciano arrasando no Yoga

2 – Visitar o Ashram dos Beatles

Você é fã dos Beatles? Sim? Não? Independentemente da resposta, saiba que as ruínas do Ashram onde a famosa banda de Liverpool se hospedou em Rishikesh no ano de 1968 é um dos “must do” da cidade.

O que fazer em Rishikesh

Ruínas do Ashram onde os Beatles se hospedaram em Rishikesh

Foi durante os dias em que ficaram hospedados neste Ashram em Rishikesh que muitas músicas foram compostas por Lennon, Paul McCartney e Harrison, incluindo 18 faixas do “The White Album”, um dos mais famosos da banda.

Eu adoro os Beatles, por isso me amarrei. Mas a Marcele não gostou tanto assim, como você pode perceber na foto abaixo.

O que fazer em Rishikesh

A Marcele odeia os Beatles e ainda assim ela foi comigo. Muito amor, né?

Mas mesmo para aqueles que não são fãs, é uma visita que vale a pena. Um dos galpões virou uma galeria de arte, com diversos graffitis nas paredes.

💰 Quanto custa: a entrada para as ruínas do Ashram dos Beatles custa 600 rúpias, que equivalem a USD 8,00.

3 – Assistir a uma cerimônia no final do dia no Parmarth Niketan

Todos os dias, ao pôr do sol, acontece uma bonita cerimônia em frente ao Ashram Parmarth Niketan.

Nós participamos em um dia chuvoso e com céu cinzento. Mas com o tempo bom deve ser super bonito, já que a cerimônia é realizada nas margens do Ganges.

A cerimônia nestas escadarias

“Toda noite, enquanto os últimos raios do sol refletem nas águas sem limites da Mãe Ganga, nos reunimos para o Ganga Aarti. Esta cerimônia de luz divina é preenchida com música, oração, ritual e um sentido palpável do divino. Aarti é a bela cerimônia em que dias (lâmpadas a óleo) são oferecidos a Deus. Aarti pode ser feito para uma divindade no templo, pode ser feito nas margens do Ganges para a Mãe Ganga, ou pode ser feito para um santo. É realizado para Deus, em qualquer manifestação, em qualquer forma e por qualquer nome.”

Rishikesh

Parmarth Niketan – uma imagem de Arjuna e Krishna, representando uma passagem do Bhagavad Gita

4 – Andar pela Ponte Lakshman Jhula

Uma vez em Rishikesh é fato que você passará diversas vezes pela Ponte Lakshman Jhula.

Lembra de um quadro do Programa do Faustão que tinha uma prova chamada “A Ponte do Rio que Cai”? (Revelei a idade agora, hein!?). Se você não lembra não importa. O exemplo foi só para dizer que andar por esta ponte é emocionante. Já que são pedestres, vendedores, motos e vacas, todos apertados atravessando a ponte enquanto ela vai balançando sob os pés.

Obs.: no fundo, beeeem lá no fundo ela até lembra a Golden Gate Bridge, de San Francisco. Não lembra?

O que fazer em Rishikesh

A Ponte Lakshman Jhula

5 – Nadar ou fazer atividades aquáticas nas águas do Rio Ganges

Clama! Eu sei que você já deve ouvido falar que as águas do Rio Ganges não são as mais limpas do mundo. Também já deve ter ouvido que banhar-se no Ganges lá em Varanasi por exemplo não é uma boa ideia para turistas.

Mas o bacana de Rishikesh é que por aqui você pode nadar nas águas limpas do Rio Sagrado. Quer dizer, a depender da época em que você visitar a cidade. Nós estivemos por lá no mês de agosto (época das monções) e o rio estava meio “barrento” em função das chuvas. Mas normalmente a água é limpinha e é possível fazer atividades como Kayaking, Rafting, Boía Cross, etc.

Lázaro até tentou, mas a correnteza estava forte e a água suja

6 – Tomar um café (ou cerveja, por que não?) com vista para o Ganges

Ás margens do Ganges você encontra alguns cafés e restaurantes que oferecem vistas super bonitas para o Rio. E nós podemos citar o Gafe de Goa, onde tiramos esta foto:

7 – Sentir-se um ator de Hollywood. Que tal?

Não só em Rishikesh, mas por toda a Índia é comum que as pessoas peçam para tirar selfies com você. Nós fizemos algumas boas amizades assim. Ganhamos sorrisos e muitos momentos de descontração.

8 – O que fazer em Rishikesh – Descansar!

A Índia é incrível, um país que já visitei duas vezes e pretendo voltar muitas outras. Mas é um país que te cansa. As buzinas, o trânsito caótico, o enorme vai e vem de milhares de pessoas andando para lá e para cá, tudo isso faz sua cabeça ferver depois de alguns dias.

Em Rishikesh você consegue descansar da Índia. A vibe da cidade é diferente, difícil de explicar. Então, se tiver um tempinho sobrando na viagem, não pense duas vezes antes de ir até este reduto de tranquilidade que o país oferece.

O que fazer em Rishikesh

O que fazer em Rishikesh

Onde se hospedar em Rishikesh

Nós nos hospedamos em um Ashram que incluía aulas de Yoga, de meditação e as 3 principais refeições do dia: café da manhã, almoço e jantar. Nós adoramos e recomendamos muito, especialmente pelo preço. Pagamos USD 15,00 por dia, por pessoa no Anand Prakash Yoga.

Mas caso não queira se hospedar em um Ashram, veja a seleção de hotéis que nós preparamos para você, basta clicar aqui. Lembrando que ao utilizar o Booking.com você pode efetuar suas reservas em reais (R$) fugindo assim do IOF. E em muitos casos é possível fazer o cancelamento gratuitamente, caso seja necessário.

O que fazer em Rishikesh – Como Chegar

A estação de trem mais próxima de Rishikesh fica em Haridwar. Você pode pegar um trem até esta estação de lá pegar um tuk-tuk até Rishikesh. Mas há também diversos ônibus que fazem o trajeto até a cidade. Tem várias opções saindo de Delhi, Jaipur e várias outras cidades.

Lembre-se do Seguro Viagem!

O seguro viagem é indispensável em uma viagem para a Índia. Nossa sugestão é fazer uma boa busca através da Segurospromo, um site que compara preços e te apresenta uma série de opções de seguro, aí é só escolher a melhor opção para seu tipo de viagem. E utilizando nosso código CASALWANDERLUST5 você ainda ganha 5% de desconto na hora!

Veja todos nossos posts sobre a Índia:

Dicas que vão te ajudar:

Dicas do que fazer:

Como se locomover:

🌍 Acompanhe nossa viagem de volta ao mundo através de nossa página no Facebook:

https://www.facebook.com/casalwanderlustoficial

Deixe um comentário