Índia: tudo o que você precisa saber antes de viajar para o país

Se você estiver planejando uma viagem para a Índia, saiba que este post foi feito especialmente para você. Nós passamos dois meses nesta segunda visita a este incrível país e decidimos reunir nesta publicação todas as dicas que mais nos foram úteis.

Aqui você encontrará dicas variadas sobre a Índia, falaremos sobre os cuidados necessários a tomar, os CUSTOS da viagem, como se locomover, como se vestir e muito mais. Vamos lá?

Taj Mahal Índia

O Taj Mahal

Índia: um guia COMPLETO de sobrevivência para sua primeira viagem pelo país

Nós reunimos neste post as dicas que mais nos ajudaram durante nossa viagem pela Índia. E muitas delas foram escritas depois de alguns perrengues enfrentados…rs. Usamos sempre o raciocínio “não é porque nós sofremos que outros também precisam sofrer”.

Viajar pela Índia é uma experiência única. Eu, Camila, já visitei o país 3 vezes e amei. Mas também ouvi relatos de pessoas que não tiveram experiências tão legais assim. Todavia, espero que nossas dicas possam te ajudar a vir com o coração aberto e pronto para viver intensamente seus dias neste país tão exótico.

Visto para a Índia

Brasileiros precisam de visto para visitar a Índia. Mas a boa notícia é que agora ele vale por 1 ano e você pode obtê-lo de maneira muito fácil pela internet.

➡️ Clique aqui e veja Como Obter o Visto Indiano pela Internet.

Como Chegar

As passagens aéreas do Brasil para a Índia custam em média USD 900,00. Não são tão baratas, eu bem sei. Mas a boa notícia é que você pode ficar de olho nas promoções. Baixar o APP Melhores Destinos ajuda e colocar alertas no Skyscanner ajuda também.

Gastos de uma Viagem pela Índia

A Índia é um país barato, mas que também pode se tornar caro caso você opte por contratar tours e hospede-se somente em hotéis 5 estrelas, por exemplo.

Nós sempre viajamos da maneira mais econômica possível. Mas desta vez estávamos com amigos do Brasil e acabamos gastando um pouco mais. Mas ainda assim nossa média de gastos foi de USD 20.00 por pessoa, por dia. Excluindo a passagem aérea, claro.

O que fazer na Índia

A Índia é um país enorme e eu acho que nem uma vida toda por lá seria suficiente para conhecer tudo.

Veja abaixo as cidades que visitamos. Clique nos links para ver o roteiro completo:

Exigência para Entrar no Aeroporto

Em todos os aeroportos da Índia se vc não tiver a passagem aérea impressa, ou salva em seu celular de modo que vc possa mostrar para os policiais logo na entrada, você terá problemas para entrar no aeroporto.

Eu sinceramente duvido que eles lhe proíbam de entrar, já que existe a opção de chamar alguém da cia aérea para encontrar sua reserva e lhe ajudar. Mas imagine o tabalhão que isso daria!? Logo, salve seu bilhete no seu celular de maneira que você possa mostrá-lo a quem quer que por ventura lhe solicite.

Saiu do Aeroporto já Era!

Depois que você sair pelas portas automáticas do aeroporto vc não volta mais para dentro dele. Achamos isso bizarro, mas entendemos que é uma medida de segurança.
Nós saímos para pedir informação e tentamos voltar para usar o ATM de dentro do aeroporto e fomos impedidos 😂 Então resolva tudo o que precisar dentro do aeroporto antes de colocar os pés para fora.

Moeda da Índia

A moeda da Índia é a Rúpia Indiana.

Em julho de 2019 a cotação era de 1 USD = 70.00 INR.

Contudo não vale a pena comprar rúpias em casas de câmbio no Brasil, leve dólares americanos e troque nas casas de câmbio espalhadas por todas as cidades do país. Mas também é possível sacar moeda local nos ATMs.

Moeda Índia

Rúpias Indianas

Lembre-se do Seguro Viagem!

O seguro viagem é indispensável em uma viagem pela Índia. Eu fiquei doente por lá e não foi nada legal.

Por isso eu super indico a Segurospromo. Porque ao utilizar nosso código CASALWANDERLUST5 você já ganha 5% de desconto na hora!

A Segurospromo é um site que compara preços e te apresenta uma série de opções de seguro com um resumo bem detalhado de preços, cobertura e etc. Uma mão na roda!

Pagamentos com Cartões de Crédito

Se você estiver viajando considerando que ficará hospedado em grandes redes de hotéis e que contratará serviços de agências, talvez você não tenha grandes problemas.

Mas se você viaja tentando economizar, assim como nós, tenha isso em mente: muitos lugares não aceitam cartão de crédito, especialmente os hotéis mais baratos.

Traga dólares e troque por algumas rúpias assim que chegar no aeroporto. Lembrando que no aeroporto normalmente a taxa de câmbio é ruim. Deixe para trocar mais dólares por rúpias em casas de câmbio na rua ou mesmo em seu hotel. E considere que também é possível sacar moeda local nos ATMs espalhados por todas as cidades. Converse com o gerente da sua conta e habilite essa função no seu cartão.

Internet e Telefonia na Índia

Eu sempre falo isso e as empresas quem vendem aqueles chips de internet ilimitada devem me odiar por isso 😂 Mas o fato é que eles não valem a pena.

Aqui na Índia nós compramos um pacote com a operadora local Airtel. Pagamos USD 6.00 por um pacote de 3 GB POR DIA + ligações nacionais ilimitadas. Fala se não é SUPER barato? Acho que foi a internet mais barata que usei em toda a minha vida.

A única chateação é que você precisa ir até uma loja da Airtel (ou da Vodafone) com uma cópia de seu passaporte e gastar alguns bons minutos por lá. Mas considerando a economia, são 20 minutos que valem super a pena.

Água

Não é como nos filmes de Hollywood onde as pessoas precisam escovar os dentes com água mineral. Mas também não é um país para se beber água da torneira.

Nós comprávamos água mineral e depois de um tempo descobrimos essa maravilha espalhada por New Delhi (não sei se tem em outras cidades). São máquinas de água mineral onde você pode encher sua garrafinha pagando super pouco e ainda gerando menos resíduo.

Water Point – onde você pode encher sua garrafinha de água

Idioma na Índia

São mais de 20 os idiomas oficiais da Índia, sendo que o mais falado é o hindi. Mas você conseguirá se virar bem com o inglês. Embora muitas vezes seja bem difícil de entender o sotaque indiano.

Nas cidades menores talvez a língua possa ser um problema. Mas nos grandes centros e principalmente nas áreas turísticas o inglês permite que você seja entendido e faça-se entender.

Pimenta

Meu amigo, mesmo que vc goste de pimenta vá com muita calma por aqui. Tudo é super apimentado. E saiba que mesmo se você pedir para não colocarem pimenta no seu prato, ainda assim seu prato será picante. Não tem jeito.

Comece devagar, peça para não usarem pimenta, vá treinando desde já com no Brasil com um nível de pimenta médio e venha preparado. Nós, depois de um mês, estávamos super acostumados ao fogo picante indiano.

Coentro

Além disso se você assim, como eu, não gosta de coentro, sinto lhe informar que aqui eles usam coentro em quase tudo.

Contudo em alguns restaurantes eu pedi para não colocarem coentro no meu prato e deu certo, em outros não. Vai da sorte mesmo.

Os Banheiros na Índia

Você já deve ter ouvido falar de como são os banheiros na Índia, não? São os famosos banheiros turcos, ou squat toilets, em inglês.

São os famosos banheiros onde você faz suas necessidades de cócoras e não sentado, como nós ocidentais estamos acostumados. Até no aeroporto tem banheiros desse modelo. Eu já estou super acostumada a eles, confesso. Mas no começo era estranho.

➡️ Veja aqui um post completo sobre como são os banheiros na Índia.

Banheiros Índia

Banheiro limpinho no aeroporto de New Delhi

Meninas, uma dica de ouro: para não molhar a calça na hora de fazer xixi (ou sujar com o número 2) tente descê-la enrolando-a em suas pernas. Consegue me entender!? 😅 Ou tire a calça totalmente. Porque alguns banheiros tem até um cabide para este fim.

Mas calma. Não são todos os estabelecimentos que possuem somente este tipo de banheiro. No aeroporto, por exemplo, existem as duas opções. Mas é bom estar preparado. Né?

Enfim, deixo aqui minha última dica: leve sempre papel higiênico na bolsa!

Banheiro bem sujinho em uma parada de ônibus

Os Olhares 👀

Saiba que as pessoas vão te olhar MUITO. Vão te olhar como se vc fosse um ET. E vão inclusive pedir para tirar fotos com você. Por isso, meninas especialmente, sejam discretas com relação as roupas.

Eu me senti uma atriz famosa de Hollywood e no fim até achava graça. Mas tenho amigas que se sentiram muito constrangidas pois os homens realmente olham demais!

Entretanto, tente pensar que assim como os sáris e as cores indianas parecem diferentes e interessantes aos nossos olhos, nós também parecemos diferentes e interessantes aos olhos deles.

Contudo quanto às pessoas que pedem para tirar foto, eu só tiro fotos com meninas ou com famílias, com homens nunca! Vá saber o que vão fazer com a foto depois 😒

Como se Vestir na Índia

Logo ao chegar na Índia você perceberá que somente pelo fato de ser turista você já chamará atenção demasiada para si. E certas peças de roupas que nós usamos livremente no Brasil tornarão a situação ainda pior.

Por isso mesmo no calor de mais de 40 graus evite usar blusas de alcinha e muito coladas, calças muito justas e especialmente shorts. Porque você perceberá que a maioria das pessoas também evita. Contudo, abre-se uma exceção, óbvio, nas cidades litorâneas.

Por isso traga um lenço (ou uma canga) para cobrir os ombros ou a cabeça para entrar nos templos e nas mesquitas. Algumas mesquitas exigem que você cubra a cabeça, outras não. Por isso seja discreto ao vestir-se, mesmo porque mostrar demais o corpo pode soar como falta de respeito à cultura do país.

Hotéis na Índia

Por todo o país você encontrará opções de cadeias de hotéis 5 estrelas e opções mais baratas também. Nossa dica é: tente ler as avaliações dos hotéis antes de efetuar a reserva. Porque as fotos da internet enganam muito. Nos hotéis mais baratos onde nos hospedamos não teve nenhum caso onde a foto da internet condizia com a realidade.

➡️ Veja aqui um post com os melhores bairros para se hospedar em New Delhi.

Clique neste link para fazer suas reservas de hotéis na Índia. Através do Booking.com você faz suas reservas em reais (R$) fugindo assim do IOF, muitas reservas são canceláveis e além de tudo isso, fazendo suas reservas por aqui você nos ajuda a manter o blog.

Melhores Meses para Visitar a Índia

O melhores meses para visitar a Índia são os meses de fevereiro, março e setembro. Em junho e julho o calor é sufocante.

O país é enorme e é afetado pelas monções de maneiras muito diferentes. Em minha primeira visita à Índia eu escolhi o mês de setembro e tudo foi perfeito. Desta vez escolhemos agosto e pegamos bastante chuva em algumas cidades.

➡️ Veja aqui um post completo com os melhores meses para visitar a Índia.

Traga Meias de Pilates

Sabe aquelas meias utilizadas para fazer pilates? Aquela que tem a sola emborrachada? Traga um par e seja feliz.

Porque para entrar nos templos você precisará tirar os sapatos e, com sol o chão queimará seus pés e com chuva o chão fica bem nojento de se pisar 😣

Entretanto a meia de sola emborrachada salvará sua vida nessas horas.

Dicas Índia

É Proibido Tirar Fotos com Bandeiras

É proibido tirar fotos com bandeiras nos monumentos mais famosos da Índia. Por isso nada de sair na foto do Taj Mahal com a bandeira do Brasil, por exemplo.

Nada de Carne de Vaca

Você já deve ter ouvido falar mas não custa repetir: as vacas são sagradas na Índia. Por isso não espere comer um bife suculento por aqui meu caro amigo camarada.

Entretanto é comum encontrar vacas perambulando pelas cidades, é bonito de se ver. Só não é tão bonito quando elas vão parar no meio da rodovia. No trajeto New Delhi x Rishikesh nós vimos várias que quase causaram graves acidentes. Sorte que os motoristas indianos são preparados para desviar destes “pequenos” obstáculos na pista 😅

Comidas de Rua na Índia

Acima de tudo, aqui está um tema bem controverso. Comer ou não comer as deliciosas (e temidas) comidas de rua da Índia?

Contudo nós experimentamos quase todas as comidas de rua das cidades por onde passamos. Além disso nós sobrevivemos sem graves transtornos intestinais depois de vários meses comendo de tudo.

➡️ Veja nesse post todas as comidas de rua que nós experimentamos, as condições de higiene e decida você mesmo.

Comidas Índia

Cansou da Comida Indiana?

A comida indiana é uma delícia e eu amo. Mas mesmo amando a culinária local chega um momento em que você não aguenta mais o sabor do curry e das especiarias.

Por isso uma opção bacana para quem está em New Delhi é o Hard Rock Cafe. Porque eles têm, entre outras deliciosas opções, hambúrger de carne de búfalo que vem até com bacon. Entretanto, ouvimos dizer que na parte nordeste do país você encontra até carne de porco. Vegetarianos por favor me perdoem pela heresia.

Ola e Uber

Embora tenhamos lido que o Uber teria saído da Índia, para nossa surpresa descobrimos que ele ainda funciona super bem. Assim como o Ola, uma opção local para o Uber. Utilizamos ambos e fomos muito felizes. O Uber tem até opção de corridas com tuk-tuk.

Mas mesmo que você não utilize o Uber ou o Ola, é possível simular a corrida nos aplicativos e usar o valor para negociar com o motorista do táxi.

Negocie

Especialmente nas corridas de tuk-tuk e de táxi, negocie sempre. Mas uma coisa bacana é que a maioria dos produtos na Índia vêm com o preço impresso na embalagem, e isso dificulta que te passem a perna. Mas com os táxis e tuk-tuks não tem jeito, sempre vão te pedir o dobro do valor justo pela corrida.

Preço da Cerveja

Bebemos pouca cerveja na Índia, preciso confessar. Porque quando comparávamos o preço do elixir dos deuses com o valor de uma refeição, por exemplo, nós desanimávamos.

Contudo a cerveja local é a Kingfisher e uma garrafa de 500 ml custa em média INR 300,00, que equivalem a USD 4.00. É bem caro! Sobretudo se considerarmos que ela nem é tãaaao boa assim.

Cerveja Índia

Viajando com Amigos?

Quando se viaja com amigos a gente fica sempre com aquele monte de contas na cabeça, né? Quem pagou o quê, quem ficou devendo para quem. Enfim…

Todavia nós descobrir um aplicativo super legal para ajudar nessas horas, o Splitwise. É uma super mão na roda. Porque ele calcula TUDO para você, e no fim da viagem ele diz quem ficou devendo, quem tem valores a receber e isso evita uma série de dores de cabeça. Óia que beleza!

Segurança

Essa foi minha terceira visita ao país. Estive sozinha na Índia pela primeira vez em 2011 e em nenhuma destas viagens nada de ruim me aconteceu. Muito pelo contrário, vivi experiências incríveis. Entretanto ouvimos pessoas que também relataram o contrário. Assim como um casal de brasileiros que teve o quarto invadido em New Delhi, por exemplo.

Certamente coisas ruins podem acontecer e a Índia é um país para se ter cuidado. Mas novamente, nossa experiência foi maravilhosa e pudemos conversar com diversos outros viajantes que também não relataram nada de ruim. Ademais, nós conhecemos meninas de diversas nacionalidades viajando sozinhas pela Índia, muitas delas na casa dos 20 anos de idade.

Entretanto sabemos que existem muitas mulheres que temem viajar sozinhas pelo país por se preocuparem com sua segurança, já que o índice de estupro e violência são relativamente altos, infelizmente. Por isso neste caso nós podemos indicar uma amiga, a Gilmara do Girls Go, ela é especialista em trazer grupos de mulheres para a Índia.

As meninas e a Gil no Holi, em Pushkar

Mas se você quiser uma opção barata que também aceita homens no pacote, nós indicamos o pessoal do Vem Comigo Pra Índia. Eles são super fofos e trazem pequenos grupos para visitar o país em segurança.

Tomadas na Índia

Por toda a Índia você encontra tomadas do tipo C e D. Mas nós não precisamos de adaptadores, já que nossos plugues do Brasil servem em todas elas. Nós utilizamos esses furinhos aí do meio:

Padrão de tomadas na Índia

Espero que este post possa lhe ajudar. Aproveite e veja todos nossos posts sobre a Índia:

Dicas que vão te ajudar:

Dicas do que fazer:

Como se locomover:

🌍 Acompanhe nossa viagem de volta ao mundo através de nossa página no Facebook:

https://www.facebook.com/casalwanderlustoficial

Deixe um comentário