Aswan e o Templo de Abu Simbel, no Egito

Um dos principais destinos turísticos do Egito, o Templo de Abu Simbel foi construído entre os anos de 1264 e 1244 a.C. pelo faraó Ramsés II.

O complexo é formado por dois templos, um maior designado ao culto do próprio Ramsés II e dos deuses Amun Rá, Ra-horakhty e Ptah, e outro templo menor erguido em homenagem a sua esposa predileta, Nefertari, e dedicado ao culto à deusa Hathor.

Templo principal de Abu Simbel
Templo principal de Abu Simbel, dedicado a Ramsés II

Onde se hospedar em Aswan

Em Aswan nós nos hospedamos no El Salam Hotel. O hotel é super bem localizado, limpinho e ainda inclui um bom café da manhã incluído na diária. Nós pagamos USD 21 por noite, por um quarto duplo com banheiro privativo.

Lembrando que ao utilizar o Booking.com você não paga nada a mais por isso mas nós ganhamos uma pequena comissão que nos ajuda a manter o blog recheado de dicas.

Templo de Abu Simbel

Originariamente os templos foram escavados em uma montanha no lado oeste do Rio Nilo. Na região da Núbia, área que fica entre o sul do Egito e norte do Sudão. Esta zona já representava a fronteira mais ao sul daquele vasto império quando da construção do templo.

Entretanto, o templo foi inteiramente realocado na década de 1960 devido a construção da Barragem de Aswan, que alagou a área de sua localização inicial. O trabalho de realocação foi realizado em parceria entre a UNESCO e o governo egípcio.

Abu Simbel sendo remontado, como um gigante quebra-cabeças

Atualmente o complexo de Abu Simbel localiza-se às margens do Lago Nasser. O lago que foi formado em função da construção da barragem. O gigantesco templo está incrustado em uma montanha construída artificialmente especialmente para recebê-lo. Exatamente a 200 metros acima do local onde foi construído originariamente.

Abu Simbel – Templo dedicado a Ramsés II

O grande templo dedicado a Ramsés II e aos deuses Amun Rá, Re-horakhty e Ptah tem cerca de 33m de altura, 38m de largura e 56m de comprimento.

A fachada do grande templo é dominada por quatro estátuas colossais de Ramsés II, cada uma com 20m de altura.

Além disso, nas pernas das estátuas, em ambos os lados da porta de entrada, podemos ver pequenas representações de seus familiares. Sua mãe Mut-tuy, sua esposa predileta Nefertari, além de seus primeiros dois filhos e suas primeiras seis filhas.

Estátua de Ramsés II e família

A entrada ao Templo se dá pelo santuário maior, que também é chamado de salão público, pois ali era permitida a entrada de todos para fazer oferendas e rezar. Ele tem o teto decorado com a deusa protetora Nekbet em sua forma de urubu e é sustentado por oito pilares, onde podemos ver as estátuas de Osíris.

Interior do Templo. Hall de Osíris
Ofertas ao deus Hórus (sentado)

Todas as paredes do salão principal são adornadas com estátuas e cenas de batalhas.

Abu Simbel
Representação de Ramsés II matando inimigos
Ramsés II em sua carruagem em batalha

Abu Simbel – Templo dedicado a Ramsés II

Entretanto, o santuário onde estão as estátuas dos deuses ali cultuados era de acesso exclusivo ao faraó e seus altos sacerdotes. Ali, durante os dias 22 de fevereiro e 22 de outubro os raios do nascer do sol cobrem por completo a estátua de Ramsés II.

Mas não somente, essas datas eram importantes pois referiam-se a data de seu nascimento: 21 de fevereiro, e o dia 22 de outubro celebrava a data de sua coroação. Entretanto, com a realocação do templo o sol passou a iluminar completamente a estátua de Ramsés no dia 22de fevereiro, ao invés do dia 21. O faraó, onde quer que esteja (encarnado ou descansando), não deve ter gostado nada disso 😁

Abu Simbel
Estátuas de Amun Ra, Ra-horakhty e Ptah

Templo dedicado a Nefertari

O templo dedicado a Nefertari está localizado a 120m do grande templo. Ele é muito menor que seu vizinho, mede apenas 17 x 17m, e também é mais pobremente adornado, digamos assim.

Sua fachada é dominada por seis estátuas. Sendo quatro de Ramsés II e duas de Nefertari. Aqui também há pequenas estátuas, esculpidas nas pernas das estátuas maiores, representando os filhos do casal.

Abu Simbel
Templo de Nefertari

Além disso, o pequeno templo foi dedicado a adoração da  deusa Hathor, filha de Ra, e considerada deusa do amor, alegria, dança e da música. Sua presença está registrada em várias paredes do templo, onde aparece recebendo presentes de Nefertari e coroando a Ramsés, entre outras cenas.

Abu Simbel
Interior do Templo de Nefertari

Como chegar em Abu Simbel

Normalmente a visita à Abu Simbel é feita em 1 day trip partindo de Aswan. E você pode chegar à Aswan partindo do Cairo por trem ou ônibus. A viagem dura em torno de 10h e os preços variam de acordo com o trem ou a companhia de ônibus escolhida.

O Templo de Abu Simbel, por sua vez, fica a 280 km de Aswan. Este trajeto de ida e volta é normalmente oferecido pelos hotéis e hostels da cidade e é realizado em minivans. A saída é feita por volta das 4h da manhã e o retorno se dá por volta das 13h. Somente pelo transporte nós pagamos EGP 200,00 ou USD 11,35 por pessoa em abril de 2018.

Quanto custa

O bilhete de entrada comprado diretamente na bilheteria do templo custou EGP 175,00 ou USD 10. Lembrando que é proibido tirar fotos dentro dos tempos, a não ser que você compre um ticket adicional no valor de EGP 300,00 ou USD 17.

Abu Simbel Sound & Light Show

Se você decidir passar a noite no vilarejo próximo ao templo, você terá a oportunidade de conferir o Sound & Light Show de Abu Simbel.

Abu Simbel

Assim como em muitos outros templos do Egito, no Sound & Light Show você terá a oportunidade de apreciar o templo durante a noite, com um show de luzes e sons.

O show acontece em 3 horários diferentes: às 18h, 19h e 20h. E em 9 línguas (Inglês, Árabe, Francês, Italiano, Espanhol, Alemão, Russo, Chinês e Japonês).

Abu Simbel

Do Cairo à Aswan de Trem

Mas caso decida ir de trem do Cairo para Aswan (ou mesmo para Luxor), saiba que ao chegar à bilheteria da estação de trem no Cairo eles somente te venderão assentos para a cabine do trem “sleeper”. E este custa USD 80 por pessoa para uma cabine compartilhada por 2.

Entretanto, é possível fazer essa mesma viagem em vagões climatizados, com poltronas acolchoadas e confortáveis pagando menos de USD 10. Para isso você pode comprar seu ticket direto no site da companhia de trem do Egito ou nas máquinas de venda de bilhetes na estação ou ainda embarcar e comprar o ticket quando já estiver dentro do trem. Esta última opção tem o inconveniente de que você não terá assento marcado, podendo ter que ceder o lugar para os demais passageiros.

Melhor época para visitar Abu Simbel

Os meses de verão no Egito são bastante quentes. Mas a região de Aswan fica particularmente escaldante nos meses de junho, julho, agosto e setembro. Por isso fuja destes meses e também tente fugir dos feriados de final do ano e Páscoa, quando o país é invadido por europeus.

Os meses de março, outubro e novembro são ideias para a visita, pois o clima está agradável e não há muitos turistas.

Abu Simbel
Fonte: https://www.meteoblue.com/

Curiosidade

Alguns países ajudaram no projeto de salvação do Complexo de Abu Simbel. E alguns foram agraciados com “pequenos presentes” devido a sua grande colaboração.

É por esse motivo que podemos ver o Templo de Debod em Madri, na Espanha. O santuário de Pedesi e Pithor em Nova York, nos Estados Unidos. A cabeça de Akhenaton no Louvre em Paris, na França. E um sarcófago de madeira no Museu Nacional de Havana, em Cuba.

➡️ Clique aqui para ver nosso roteiro de 2 dias em Madri.

Abu Simbel
Templo de Debod

Lembre-se do Seguro Viagem!

Pelo amor de Osíris! Não viaje para a terra dos Faraós sem seguro! Primeiro porque o Seguro Viagem te garante uma trip sem preocupações, especialmente para países mais complicados, como o Egito. Segundo porque ele te auxilia até se a sua mala for extraviada ou se o seu voo for cancelado, por exemplo. Uma baita mão na roda!

E não é caro não, viu gente!? Tem Seguro Viagem por valores irrisórios, menos de R$ 80,00 para uma viagem de 10 dias. Por isso nossa sugestão é fazer uma boa busca através da Segurospromo, um site que compara preços e te apresenta uma série de opções.

Clique AQUI para obter sua cotação com DESCONTO. Ou clique no link abaixo ⤵️

Além disso, ao utilizar nosso código CASALWANDERLUST5 você ganha 5% de desconto na hora! Faça já sua cotação!

Como conhecer o Egito sem passar raiva e sem gastar muito

O Egito é um dos meus países favoritos nesse mundo e você jamais vai me ouvir falando mal dele. Mas se você estiver viajando para o país pela primeira vez, eu me sinto na obrigação de ser honesta e muito franca contigo: o Egito não é para qualquer um. Nesse sentido, basta dar um “google” para encontrar relatos de pessoas que só passaram raiva por lá, gente que foi enganada, roubada, que se sentiu assediada, dentre outras coisas.

Dessa maneira, ter um guia ou alguém em quem se possa confiar é essencial para que não haja frustrações e aborrecimentos desnecessários em sua viagem. Por isso, pensando em ajudar os leitores aqui do blog, eu entrei em contato com um grande amigo que mora no Cairo, o Aly. Além de ser guia de turismo, o Aly fala português fluente e é um egiptólogo de mão cheia. Mas não somente, ele trabalha com preços bem abaixo dos valores cobrados pelas agências de turismo, e desenvolveu um pacote de 10 dias com valores ótimos, especialmente se você disser que pegou o contato dele aqui pelo blog.

Desta forma você poderá conhecer todas as maravilhas do Egito, sabendo que não vai passar raiva, e o melhor de tudo: sem ter que pagar uma fortuna por isso – Clique AQUI para ver mais informações.

Veja mais sobre o Egito…

Um viagem pelo Egito é o sonho de muita gente, e sempre foi o meu. Ficamos encantados com o país desde o primeiro dia. E depois de morar por aqui por 3 meses nós escrevemos alguns relatos que poderão lhe ajudar:

Dicas práticas

Informações que podem te ajudar

Tudo sobre os Templos e como visitar cada um deles

🌎  Acompanhe nossa viagem de volta ao mundo através de nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/casalwanderlustoficial

2 Comentários